sexta-feira, 15 de junho de 2012

Edelweiss - A Lenda


A edelweiss, a mais conhecida e poética flor das montanhas e da neve, é originária das estepes da Ásia Central. É uma pequena flor, com o centro de um amarelo acinzentado, rodeada de pétalas brancas e aveludadas. Floresce de Julho a Setembro. A edelweiss tem uma lenda…
Conta-se que há milhares e milhares de anos – quem poderia contá-los? – surgiu uma montanha num planalto coberto de neve.
Todas as suas vertentes eram escarpas cobertas de neve e gelo, como se fosse uma cobertura rendada. E lá no cimo da montanha, num píncaro inacessível de brancuras imaculadas, encontrava-se a Dama Branca sobre o seu trono de gelo. Vítima de um sortilégio, ali ficara prisioneira das neves eternas, até que um ser humano chegasse até ela e lhe beijasse a mão.
A aventura era considerada impossível porque, ainda que algum audacioso pudesse escalar a alta e íngreme montanha, pequenos gnomos armados de flechas trespassá-lo-iam.
No entanto, um dia, um belo e jovem príncipe quis tentar a escalada perigosa. Chamava-se Dourado. Insensível às súplicas e lágrimas do seu povo, partiu.
Ao atingir o planalto, despediu-se dos seus soldados e começou a subir a montanha.
Quando estava prestes a atingir o pico onde se encontrava a Dama Branca, uma enorme massa do rochedo desprendeu-se e arrastou-o. A Dama Branca que ansiosa e trémula tinha seguido os seus esforços, desatou a chorar quando viu o seu príncipe precipitar-se no abismo.
E cada uma das suas lágrimas, ao tocarem a neve, transformava-se numa estranha flor, desconhecida até ali. As pétalas dispostas em auréola em volta de um chapelinho de flores amarelo acinzentado, eram brancas e como que recobertas de uma delicada penugem para as proteger do frio.
Pareciam recortadas num tecido suave e irreal, duma beleza delicadíssima, mas severa. Eram os filhos da dor e do rochedo. O vento, acariciando estas flores, levou para longe sementes que foram cair sobre montanhas vizinhas e dessas, passaram depois de novas flores, para outras montanhas… E foi assim que de montanha em montanha chegaram aos Alpes e lembram para sempre a Dama Branca e o seu príncipe Dourado.



76 comentários:

  1. Essa lenda é linda e adoro a música, lembro de minha mãe a cantando em alemão...beijos,lindo fds!chica

    ResponderEliminar
  2. Essas lendas sempre nos ensinam a respeitar as culturas de outros povos, a compreender um pouco mais as diversidades que percorrem esse imenso UNIVERSO. Um grande abraço minha amiga e grata pelo seu carinho em meu cantinho. Lindo fim de semana para si...

    ResponderEliminar
  3. Amiga Graça.Lindo texto que fala de flores e outros sentimentos,a canção ainda hoje tem muito significado para mim,porque adorei a Musica no Coração,já fiquei eriçada de emoção.Eu gosto de coisas que mexem comigo isto aqui mexeu sem duvida,obrigada por partilhar e pela visita.
    Beijinhos e bfs

    ResponderEliminar
  4. Não conhecia a lenda acerca da Edelweiss !
    Está muito bem contada, Graça.
    Obrigado por também trazeres a música de um filme que nos deixou saudades.

    Um beijo.

    ResponderEliminar
  5. bonita a lenda!

    mas não consigo desligar da música...devo ter visto 300 vezes este filme

    :)

    beijinhos

    ResponderEliminar
  6. Querida amiga, todas as lendas tem sempre um fundo de realidade, eu gosto desta flor desde o filme Noviça Rebelde no qual o personagem principal do filme canta a música Edelweiss maravilhosamente. Tenha um lindo final de semana. Beijocas

    ResponderEliminar
  7. Como a certeza de cada manhã,o sol vislumbrar,claro que teu livro desabrochará,como girassóis em manhã iluminada!
    Assim como todas as manhãs e com teu livro aspirando e saboreando,a certeza de sentir o coração vibrante de uma inesquecível amiga,VOCÊ!

    smackkkkkkkkkkkkkkkkk

    Re e Ri

    ResponderEliminar
  8. CONVITE

    Primeiro, eu vim ler o seu blogue.
    Agora, estou lhe convidando a visitar o meu, e se possivel seguirmos juntos por eles. O meu blogue, é muito simples. Mas, leve e dinamico. Palpitamos sobre quase tudo, diversificamos as idéias. Mas, o que vale mesmo, é a amizade que fizermos.
    Estarei grato, esperando VOCÊ, lá.
    Abraços do
    http://josemariacostaescreveu.blogspot.com

    ResponderEliminar
  9. Adoro lendas! Especialmente se escritas com esta correção e simplicidade. A música obriga-nos a ficar.

    Um beijo

    Lídia

    ResponderEliminar
  10. Belíssimo filme da ¨Noviça Rebelde¨, que cita esta rara flor. Linda canção, com bonitas vozes. Imensa poesia, que nos inspira ternura.

    Abraços

    ResponderEliminar
  11. Ternura e amor neste belíssimo post!

    Não conhecia a lenda...a canção sim!

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  12. A música é linda e muito linda também é a lenda.

    bjs

    ResponderEliminar
  13. Obrigado por ter enriquecido minha vida com a alegria da vossa presença.
    Gestos de amor, atenção e carinho faz ver quanto você é
    tão especial no geito de ser e como são bem-vindas as suas visitas.
    Agradeço a Deus pelo que conquistei até agora, mas peço a Ele para me dar sabedoria para conquistar muito mais.
    E saiba que assim como eu sempre pude contar com você, você pode contar sempre comigo.
    Um final de semana beijos no seu coração.
    Carinhosamente:Evanir...

    ResponderEliminar
  14. Um belo sábado pra ti minha amiga...beijos.

    ResponderEliminar
  15. Que linda postagem. Adoro esta flor e ja tive o prazer de t^r-la em mãos. Como sabe moro nos Alpes. Estou bem , mas não tenho mais escrito. Atualmente meu passatempo tem sido fotografias. Tenho postado algumas no panoramio http://www.panoramio.com/user/6705687
    e também no facebook. Um abraço e ótimo domingo.
    Angel

    ResponderEliminar
  16. Graça, um bom dia " abrasileirado". Muitissimo graciosa a sua postagem. "Apropriada". Confesso que estou honrado, em ter comentado em meu blogue. Afirmo que estou lhe seguindo pelo blogue. Aproveito para dizer que enfeitaste aquele espaço com as suas palavras.
    Bom fim de semana, e receba um abraço abrasileiradoi, deste outro lado do Atlantico.
    Felicidades, sempre.

    ResponderEliminar
  17. Minha amiga agradeço o teu comentário...
    è tão bom saber que ainda existe seres humanos que dão importância ás riquezas naturais que o Criador nos dá todos os dias...
    A riqueza está dentro de nós e não no material que possuímos...
    Um fim de semana Iluminado
    Namastê

    ResponderEliminar
  18. Graça querida
    Adorei a lenda, as flores que não conhecia, mas não vou embora, a música prende-me aqui, vou ouvir de novo.

    Desejo que esteja tudo a correr bem com o teu livro.
    Bom fim de semana minha querida amiga

    Beijinho e uma flor

    ResponderEliminar
  19. Uma bela lenda, mesmo com um final triste e que nos "revela" a origem de tão bela flor que confesso nunca vi nem ouvi seu nome.

    Beijinho amiga Graça.

    ResponderEliminar
  20. ...tudo lindo.
    lenda e música.

    bj, Graça.

    estava com saudades de vir aqui.

    ResponderEliminar
  21. Hermosa flor, bella leyenda...Agradecida por tu visita amiga.
    Un besito desde mi amado Chile.

    ResponderEliminar
  22. Bom domingo!!

    Linda flor, bela lenda Graça!!
    Estou em período de descanso. Professor precisa mesmo de recesso. Estou arrumando as malas. Vou de férias p Minas e volto em julho se Deus quiser.

    Beijos!

    ResponderEliminar
  23. Minha amiga uma linda e singela flôr, uma lenda de encantar.
    Beijinhos
    Maria

    ResponderEliminar
  24. Não conhecia a lenda, só a flor, juntas e com sua postagem estão fantasticas......Boa semana...Bjks....Gil

    ResponderEliminar
  25. Lindas flores e lenda!
    Parabéns pelo blog

    ResponderEliminar
  26. Olá Graça
    Que graça de lenda! Não conhecia. Elas são criadas e contadas para nos ensinar algo. É sempre bom estar aqui.
    Beijos

    ResponderEliminar
  27. Olá Graça, linda essa lenda mas triste! A flor é belíssima!
    Beijos
    Amara

    ResponderEliminar
  28. Estas flores são donas de uma beleza incondicional,são lindas e maravilhosas!! um grande beijinho para ti rodeado de amizade!!

    ResponderEliminar
  29. Olá Graça

    Após ausência por motivos de saúde, passo para deixar um beijinho e informar que, embora ainda em recuperação, estou de volta à blogosfera e aos poucos, dentro das minhas possibilidades, visitarei todos os amigos de quem já tenho muitas saudades.

    Tétis

    ResponderEliminar
  30. Olá amiga Graça. Essa flor é linda e parece mesmo ter nascido desse amor. Beijos.

    ResponderEliminar
  31. Porque será que as lendas ficam para sempre na memória dos que tiveram a oportunidade de as conhecer?
    Cumps

    ResponderEliminar
  32. Conheço um bela música,a flor que que resultou da história triste de amor, que se tornou lenda, não conhecia. Muito BELA!!!
    Um beijo, Graça.
    da Lúcia

    ResponderEliminar
  33. E o amor acontece! Que lendas estamos a deixar para os próximos séculos?
    Bj

    ResponderEliminar
  34. Acredito que toda flor tem um conto de amor por detrás.
    Lindo história Graça
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  35. Uma deliciosa e bela lenda, baseada numa flor, provavelmente linda, com são a maioria das flores.
    Manuel Aldeias

    ResponderEliminar
  36. Vimos este filme -Música no coração - juntas e depois, voltei a ver dezenas e dezenas de vezes, por isso, ficou no coração.
    Uma lenda que não conhecia.
    Beijos
    Teresa (quelimane)

    ResponderEliminar
  37. Olá, Graça!

    É bonita a lenda, que não conhecia, ainda que imediatamente a associasse ao filme que tal como o vento a espalhou pelos quatro cantos do mundo.Nesta, como noutras,o folclore à volta dela sempre é bem mais sedutor e apelativo do que a versão erudita da realidade...
    O criativo Zé Povinho sempre sai a ganhar!

    Eu vou estar ausente durante algum tempo.
    Beijinhos; boas férias.

    Vitor

    ResponderEliminar
  38. LINDA ESTA LENDA.... a FLOR é isso, um misto de AMOR, DELICADEZA, TRISTEZA, O verdadeiro rosto de uma PRINCESA!
    bjº HELENA

    ResponderEliminar
  39. A flor imponente e ao mesmo tempo frágil nas suas pétalas delicadas e sedosoas. A coragem e a audácia, juntamente com o amor que sempre deve acompanhar essas nossas atitudes, sempre dão bons resultados. Linda a lende que nos ensina que a vida tem de tudo, mas que em tudo o amor deve estar presente. Obrigada pela partilha de tão bela lenda que desconhecia. Maravilhosa esta flor! Beijinhos, Graça e fica bem. Até breve!
    Emília

    ResponderEliminar
  40. Bella y delicada flor,querida amiga siempre es una alegria saber de ti,un abrazo.J.R.

    ResponderEliminar
  41. Olá Graça, desejo que tudo esteja bem contigo, sempre!

    Também estava com saudades de estar por cá, e me encantar com teus escritos narrando belas e encantadoras lendas, assim feito a desta belíssima e delicada flor, parabéns!

    E também para agradecer tuas visitas sempre deveras gentis, além de deixar também meu desejo que você e todos tenham um viver deveras intenso e feliz, grande abraço e até mais!

    ResponderEliminar
  42. Querida Graça:
    Muito bonita esta história.
    Um abraço muito, muito, muito grande.

    ResponderEliminar
  43. Esta lenda deu ainda mais cor a esta flor
    Nascida das lágrimas pela dor
    Pois ali primavera não havia
    O inverno ali residia...
    Doce beijo!

    ResponderEliminar
  44. Graça Amiga,
    Bonita lenda, a desta bela e singela flor branca, que encanta e estimula a nossa imaginação e é... uma verdadeira música para o nosso coração...
    Beijo

    ResponderEliminar
  45. Oi Graça,
    Gosto de lendas, principalmente as que dão origem às flores.
    Lembrei da canção do filme A Noviça Rebelde, que por aqui ganhou esta versão:
    "Edelweiss, Edelweiss,
    Flor que nasce na neve
    Com teu nome Edelweiss
    A pureza se escreve"

    Beijocas

    ResponderEliminar
  46. Este texto trouxe-me uma verdade,a beleza do amor mesmo sendo apenas essência, porque é eterno. Graça, agradeço a sua gentileza e agradeço este texto, porque a melodia se fez presente na infância da minha mãe e ela ouve comigo agora. Um abraço, Yayá.

    ResponderEliminar
  47. Uma lenda muito bonita,embora triste.
    Monhé

    ResponderEliminar
  48. Hola querida amiga Grace, hermosa leyenda del origen de tan bonita flor, me ha gustado mucho querida amiga, gracias por compartir, besos y abrazos, Lola.

    ResponderEliminar
  49. Adoro lendas.
    Transportam-me para o abstrato do tempo.
    Adoro a música e a flor.Obrigada por partilhar a lenda, Graça.
    Seus posts são de uma sensibiidade tão linda!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  50. Enquanto eu despencava da montanha
    minha vida não passava por mim,
    feito um filme,
    nem meus arrependimentos
    ou o que eu deixei de fazer.

    Na minha mente apenas uma singela edelweiss.

    ResponderEliminar
  51. *
    ternurenta flor,
    ternurentas palavras,
    ternurentas conchinhas,
    que te deixo, aqui .
    *

    ResponderEliminar
  52. Graça querida, tudo muito lindo, perfeito eu digo, música, lenda e flores...que maravilha, terei uma tarde linda com certeza, obrigada minha querida.
    Quanto ao papai, ele era e ainda o é para nós, uma pessoa única e especial, deixou muita coisa para nós, em seus escritos e gosto de homenageá-lo colocando aqui no blog, que bom que você gostou, isso me deixa muito feliz...obrigada Graça querida e um carinhoso abraço.

    ResponderEliminar
  53. Graça.eu não conhecia essa lenda e adorei!Uma história comovente,mas muito bonita!Conheço uma musica que tem esse nome,mas não sabia dessa lenda!bjs e meu carinho,

    ResponderEliminar
  54. Minha querida Gracinha

    Uma lenda muito linda e bem contada, como sempre.
    As flores e a música são maravilhosa...um momento muito belo.

    Beijinho com carinho
    Sonhadora

    ResponderEliminar
  55. OI GRAÇA!
    QUE HISTÓRIA LINDA.
    MESMO SENDO UMA LENDA, QUANDO CONTADA ,NOS DANDO A OPORTUNIDADE DE VISUALIZAR ESTA FLOR TÃO SINGELA, IMAGINAMOS A CENA...
    ABRÇS

    zilanicelia.blogspot.com.br/
    Click AQUI

    ResponderEliminar
  56. Bonito todo o post....
    Original esta lenda
    Beijo

    ResponderEliminar
  57. Gostei da lenda, Graça!
    Obrigada pela partilha.

    Entretanto, sábado será o S.João carago!

    A visita à Casa
    onde a José Maria da Fonseca
    foi fundada em 1834
    permite ao público conhecer um pouco mais da história desta empresa familiar,
    onde os valores passados de geração em geração,
    continuam actuais
    e permitem projectar a empresa no século XXI.

    Construída no século XIX foi restaurada em 1923
    pelo arquitecto Suíço,
    Ernesto Korrodi, tendo sido a residência da família Soares Franco até 1974.

    Com uma fachada e jardins de beleza muito especiais,
    tem estado desde sempre associada à imagem da José Maria da Fonseca.

    ResponderEliminar
  58. Olá, Graça Pereira !
    É muito bom passear plo imaginário.
    Vira lenda, desperta a alma, aguça o
    amor...
    Parabéns.
    Sinval ( coração tagarela ).

    ResponderEliminar
  59. Faltava uma palavra resolvi eliminar, desculpe.Queria dizer, que
    fiquei maravilhada a ler a lenda, e que bom que foi, para fazer
    "esquecer coisas do dia a dia que tanto incomodam".Como sempre
    muito bem escrito por si.
    Desejo que esteja bem.
    Um beijinho.
    Irene

    ResponderEliminar
  60. Querida amiga Graça!
    A flor em si já é bonita, mas com um texto assim tão bem escrito, parece que ainda se torna mais bonita. E eu agora olhando para a flor com olhos de ver, acho que já tive por várias vezes ao pé destas flores, só que o tempo nesse tempo corria tão depressa, que eu nem tinha tempo para contemplar uma flor.

    Beijinho com o meu carinho,
    José.

    ResponderEliminar
  61. Hola Grace! Una leyenda entrañable y hermosa como la flor de Edelweiss,Muchas gracias por tu paso por mi espacioacio, que me ha traido hasta aquí. Un cariñoso saludo

    ResponderEliminar
  62. Minha Querida Graça,
    Amiga Zambeziana:

    Recebi uma mensagem tua que não sei se se destinava exactamente a mim. Senti que deve ter havido alguma confusão. A Luz de África continua a brilhar em Viseu, como sempre brilhou. Continuo a sonhar com o nosso Índico.
    O teu comentário que publiquei em Luz de África, e que adorei, é um colar de sonhos de Moçambique. Bem hajas.
    Um abraço do tamanho de África.

    ResponderEliminar
  63. Estas histórias encantadas são uma delícia!
    Gostei de conhecer.
    Beijo, querida Graça!

    ResponderEliminar
  64. Olá Graça,

    A lenda é um encanto de ternura.
    As flores são belíssimas.

    Beijo.

    ResponderEliminar
  65. Graça, boa noite!
    A lenda e a flor são belíssimas, sempre me encanto quando venho aqui, gosto muito de ler seus escritos. Bjs

    ResponderEliminar
  66. A beleza que vem do frio!...
    Aproximei-me à tua terra, mas por breves momentos. Mas calquei terras de Gaia... como cresceu!
    Andei por terras do Norte e parte do Centro com alunos e companheiros. TODOS, sem excepção, regressaram felizes e emocionados. Imagina como regressei eu!!!
    Um abraço bem grande

    ResponderEliminar
  67. Graça,obrigada por me visitar,seu blog é fantastico e comovente,obrigada por mais ésse encanto.BJOS.

    ResponderEliminar
  68. Graça, maravilhoso seus blogs! O brigada por compartilhar beijos.

    ResponderEliminar
  69. Amiga Graça passei para lhe desejar um excelente domingo
    Beijinhos
    Maria

    ResponderEliminar
  70. A tempo nao venmho aqui...mas quando venho me encanto com a beleza de tuas lindas palavras, e aqui que busco neste refugio paradisiaco repleto de lindas gravuras e deliciosas menssagens que trazem parte de ti....deixote um bj e te desejo um belo final de semana e um ótimo começo tambem.....

    ResponderEliminar
  71. Olá Graça, que lenda bonita!!
    Conheço a edelweiss só por fotos, acho-a belíssima.
    Agradeço sua carinhosa visita.
    Abraços, muita paz!

    ResponderEliminar
  72. Olá amiga, não conhecia a lenda e adorei. Beijos com carinho

    ResponderEliminar